Petrobras reajusta em 12% o preço da gasolina nas refinarias a partir desta quinta-feira

Os combustíveis estão com tendência de aumento nos preços e, segundo explicou  o presidente do Sindipetro-PB, Omar Hamad, entre os motivos estão questões de mercado, como o período de entressafra no Centro-Sul do país e os reflexos do mercado internacional.

“O Cento-Sul está na entressafra e todo etanol está saindo do Nordeste. O dólar está alto e uma das refinarias que atende a região é da Acelen, na Bahia, que é uma empresa privada e acompanha os reajustes do mercado internacional”

Já havia uma tendência de alta nos preços dos combustíveis durante o segundo turno das Eleições 2022, mas o Governo Federal pressionava a Petrobras a segurar os valores nas suas refinarias, não conseguindo contê-los na refinaria de Mataripe (da empresa privada Acelen). Omar Hamad declarou que “até quando a Petrobras vai segurar é uma incógnita”.

Lucas Isidio