O procurador-geral da República, Augusto Aras, bateu boca com um membro do Ministério Público Federal e chegou a partir par cima do colega, Nívio de Freitas, na tarde desta terça-feira (24).

A confusão ocorreu durante sessão do Conselho Superior da Procuradoria-Geral da República (PGR). Subprocuradores-gerais da República e seguranças que acompanhavam a sessão impediram que fossem às vias de fato. Um segurança se colocou entre Aras e o colega para evitar a briga.

Nivio de Freitas havia discordado das regras apresentadas por Aras e rebateu o procurador-geral após ele dizer que o colega estava fazendo bagunça.

“Bagunça, mas Vossa Excelência também interferiu quando o colega estava falando. Então, se Vossa Excelência quer respeito, me respeite também”, explanou.

Aras se irritou e rebate novamente Nívio antes de se levantar da cadeira: “Vossa Excelência não é digno de respeito”, afirmou.

A câmera do MPF interrompeu a transmissão do vídeo, mas é possível ouvir ao fundo a voz do subprocurador tentando afastar Aras de perto: “Não chegue perto de mim”, avisou.