Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou nesta terça-feira (30) que serão enviadas para análise laboratorial confirmatória as amostras de dois brasileiros que, preliminarmente, apresentaram resultado laboratorial positivo para a variante Ômicron da Covid-19, após testagem realizada pelo laboratório Albert Einstein.

Embora a análise da Anvisa fosse preliminar, o secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse à CNN nesta terça-feira (30), que o Instituto Adolfo Lutz confirmou a detecção da variante Ômicron em dois brasileiros que vieram da África do Sul.

“Nesse momento deixou de ser análise preliminar, nós tivemos uma qualidade técnica bastante aguçada do teste realizado – a genotipagem, essa expansão genética do vírus – pelo hospital Albert Einstein, foi mandado para o Instituto Adolfo Lutz, que já confirmou se tratar de duas amostras compatíveis com a Ômicron, ou seja, a nova variante detectada em novembro na África do Sul”, disse Gorinchteyn.