Filha de prefeito de Brejinho, no RN, restabelece a verdade e diz que não solicitou auxílio emergencial; Dinheiro depositado foi devolvido

single-image

A estudante de medicina Ana Luiza pessoa, 19, foi surpreendida com a notícia de que o seu nome estava na lista de benefícios do programa auxílio emergencial, do governo federal, destinado a pessoas de baixa renda e microempreendedores individuais, durante a pandemia do novo coronavírus.

Acontece que Ana é filha do prefeito de Brejinho, cidade da região Agreste do Rio Grande do Norte, a 57,7 Km de Natal, capital do estado.

A estudante revela que jamais teria solicitado o auxílio e que não se enquadra nos critérios, porém, acredida que tudo não passa de uma grande armação para prejudicar o seu pai, João Gomes, que busca a reeleição este ano.

O dinheiro estava na conta e já havia sido depositado duas parcelas, porém, não havia sido movimento e portanto, Ana, fez a devulação de forma integral.

O caso deverá ser investigado.

Na rede social Facebook, Anna, escreveu:

Por oportuno, quero deixar claro que jamais solicitei ou solicitaria o auxílio emergencial do Governo Federal; sabendo dos requisitos a ele exigidos, visto que, não teria os pressupostos para recebê-lo.
Segue abaixo todos os dados sobre a devolução do dinheiro do auxílio emergencial, este não foi solicitado por mim e quando observei a utilização de pessoas que não haviam se cadastrado e estavam na lista, olhei no site e me vi em tal situação, em que já havia entrado dois meses e assim segui os passos para devolução desde o dia 16/06/2020. Como eu não tenho conta bancária com limite, transferi na mesma data para uma conta para devolver, sem utilizar nada desse dinheiro. Infelizmente, o momento pré político que vivemos, faz com que ocorra a utilização do nosso nome para coisas indevidas.

ABAIXO SEGUE OS COMPROVANTES DE DEVOLUÇÃO DESDE O DIA 16/06/2020, NA DATA QUE TOMEI CONHECIMENTO.

Leave a Comment

Your email address will not be published.