Policial do 4° BPM é afastado após criticar isolamento e dizer que é coisa de vagabundo

single-image

Um policial militar foi afastado após gravar um vídeo defendendo o fim do isolamento social, em Guarabira, na Paraíba. A Polícia Militar informou que vai abrir um procedimento administrativo disciplinar para investigar o caso.

O vídeo que circula nas redes sociais, mostra o policial fardado dentro de um carro com outros colegas. Nele, o policial se manifesta contra as medidas de isolamento recomendadas pelo Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e Governo do Estado.

O policial no vídeo, incentiva as  pessoas a romperem com o isolamento social, pede para que a população volte a trabalhar e diz que o município não tem casos do Coronavírus.

“O que a gente tem que fazer é voltar a trabalhar a proteger as pessoas idosas e as pessoas com problemas respiratórios. Vamos deixar de ser vagabundos, esse negocinho de ficar em casa, de férias, não tem condições. Vai acabar o país quebrando e a gente passando fome”, diz o policial no vídeo.

A PM informou que segue e mantém as recomendações distanciamento e prevenção ao novo coronavírus.

Em nota, o comando do 4º Batalhão informou que o policial militar  foi afastado.

“Um procedimento administrativo disciplinar será instaurado para apurar toda a extensão da reprovável atitude do policial, lembrando que a orientação da Polícia Militar da Paraíba é a mesma da Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e Governo do Estado, de que fique em casa para prevenir a proliferação dessa doença que tem causado danos irreparáveis à saúde de pessoas no Brasil e no Mundo”, diz a nota.

A secretária de saúde de Guarabira, Fernanda Macedo, informou que o isolamento social em Guarabira continua.

Edivane Saraiva, promotora da Saúde em Guarabira, disse que a fala do policial foi de grande irresponsabilidade e que o caso será apurado pela área administrativa como também as normas legais.

Com click

Leave a Comment

Your email address will not be published.