Eduardo perde a liderança do PSL minutos após assumir informalmente

single-image

Em nova reviravolta, Eduardo Bolsonaro perde a liderança do PSL. Em apenas alguns minutos após o anúncio público de que a ala mais bolsonarista do partido havia protocolado 27 assinaturas para retirar a liderança do Delegado Waldir (PSL/GO), a ala fiel ao presidente do partido, Luciano Bivar (PE), apresentou outro documento, com 32 assinaturas contrárias a liderança de Eduardo Bolsonaro.

Porém, pouco tempo após essa manobra, a ala bolsonarista composta por Carla Zambelli, Major Vitor Hugo e Bia Kicis, voltou a apresentar um novo documento, com 27 assinaturas, para manter Eduardo Bolsonaro na liderança. Segundo estes parlamentares, esta última é a que vale.

Há a confirmação de que três documentos foram protocolados nesta quarta-feira (16) a noite na Câmara. A quinta-feira (17) promete ser quente no Congresso, pois, não é entendimento unânime esse de que o que conta é a ordem de apresentação e não a quantidade de assinaturas.

Expulsões

O grupo de deputados do PSL aliados do presidente da legenda, Luciano Bivar (PE), vai expulsar a deputada federal Carla Zambelli (SP) e outros deputados do partido para invalidar as assinaturas que destituíram delegado Waldir (GO) da liderança do partido e colocaram Eduardo Bolsonaro (SP) no lugar.

“Se essa expulsão se confirmar, será uma tremenda injustiça, para não dizer outra coisa”, afirma a deputada.

Leave a Comment

Your email address will not be published.