UFPB e IFPB aderem paralisação em defesa da educação nesta terça-feira

single-image

Durante uma reunião na manhã de segunda-feira (12), professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), aprovaram por unanimidade a adesão da categoria ao Dia Nacional de Greve da Educação e em Defesa das Aposentadorias, que será realizado em todo o país na terça-feira, 13 de agosto, com paralisação das aulas.

A data será marcada por atos de protesto em diversas cidades do país. Em João Pessoa, a manifestação será em frente ao Lyceu Paraibano, no Centro, a partir das 14h. Haverá três carros de som, nos quais as lideranças dos movimentos sociais e sindicais realizarão falas convocando a população para o grande ato. Estão programados também apresentações culturais com a participação de artistas locais. Do Lyceu Paraibano, os manifestantes vão seguir em passeata pelo Centro da capital até o Ponto de Cem Réis.

Participaram da assembleia que ocorreu nesta segunda-feira, Centro de Vivência do campus I, em João Pessoa, 116 docentes. Nos campi do interior, a assembleia foi realizada na semana passada. Em Areia e Bananeiras, os debates ocorreram na quarta-feira, dia 7, reunindo 21 professores (sendo 16 em Bananeiras e 6 em Areia), que também aprovaram por unanimidade a paralisação de atividades no dia 13. Houve assembleia, ainda, no Litoral Norte, na quinta-feira (8). Lá, participaram 6 docentes e a aprovação também foi unânime.

Leave a Comment

Your email address will not be published.