ProUni abre inscrições com 169 mil bolsas, 25% na modalidade a distância

single-image

Os números foram divulgados nesta segunda-feira (10) pelo MEC (Ministério da Educação). Segundo dirigentes da pasta, o percentual de bolsas nas modalidades a distância seria reflexo da grande oferta em cursos a distância por parte das instituições.

“O EAD [educação a distância] é permitida pela legislação e tem sua forma de ser avaliada. Hoje a gente não pode desprezar a tecnologia que está disponível no mundo todo. Não cabe aqui a gente dizer se é melhor ou pior, existe a avaliação”, disse o secretário-executivo do MEC, Antonio Paulo Vogel, em entrevista coletiva nesta segunda. O ministro da Educação, Abraham Weintraub, não estava presente.

Podem se inscrever participantes da última edição do exame que tiveram nota mínima média de 450 pontos e não terem zerado na redação. Também é necessário comprovar baixa renda.

Para concorrer a bolsas integrais, os candidatos precisam ter renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As parciais são reservadas para quem têm renda de até três salários mínimos por pessoa.

O total de 169.226 bolsas é dividido em 33.830 cursos em 1.100 instituições privadas de ensino superior. Os cursos com mais vagas neste semestre são os de administração (17.004), pedagogia (13,387) e ciências contábeis (10.817).

As inscrições do ProUni vão até as 23h59 do dia 14 de junho de 2019. O resultado da primeiro chamada sai no dia 18 de junho.

Leave a Comment

Your email address will not be published.